sábado, 12 de junho de 2010

Noite fria, de calor e som!


"Depois de ter vivido
o obvio utópico te beijar..."

Uma noite pra não se esquecer, estava eu, depois de uma noitada dormindo antes de ir trabalhar e recebo um telefonema:"-Vamos pra o show de planta e raiz?!" prontamente respondi que sim, sem nem exitar, meio dormindo meio acordado, disse até que me ligaria depois pra eu não achar que estava sonhando(rs). Assim me programei passei o dia com sono esperando chegar em casa e dormir antes de ir. Maldita casa cheia de barulho, quem disse que consegui dormir?! Fiquei acordado até a hora de ir pro show, e assim fomos, me arrumei um tanto, me preocupando se estaria apresentavel. Talvez achasse uma gatinha "roots" que gostasse de um gordinho, fail, pelo menos me renderam boas fotos(rs).
Como pode uma pessoa que já passou em sua vida, voltar com toda força e em tão pouco tempo significar tanto?! Esquisito isso, eu achei que ninguém mais conseguiria entrar, e ela entrou nem pediu licensa, já foi chegando e fazendo a cama, passou direto pro quarto não ficou nem na sala. Até me deixou meio desnorteado com tanta energia e luz, mas aos poucos fui me acostumando e estamos, nós, descobrindo uma amizade cheia de coisa boa, e um sentimento bom que vai me surpreendendo a cada encontro e a cada abraço e cada despedida.

Noite fria, de calor e som!

p.s.: Até consegui ficar apresentavel, mas não peguei ninguém. (rs)

Um comentário:

  1. http://jheufonseca.blogspot.com/2010/06/o-que-tiver-de-ser_13.html

    ResponderExcluir